O que é Cirurgia Pós Bariátrica?

 

Depois da cirurgia Bariatrica e uma perda substancial de peso, a pele e os tecidos, muitas vezes, não têm elasticidade e podem não estar em conformidade com o tamanho reduzido do corpo, pois ela foi severamente estendida, agora não tem sustentação. Daí a  cirurgia plástica para a retirada dessa pele dos braços, pernas, abdômen, costas, nádegas, coxas, virilhas..

Pré-Operatório

 

• Exames complementares a serem especificados.


• Fotografia da região, é importante para avaliação, programação cirúrgica e documentação.


• Providencie modelador para o uso pós-operatório e leve-a à clínica no dia da cirurgia.


• Compareça na clínica no dia e horário combinados, de preferência acompanhado (a).


• Não leve para a clínica jóias e outros objetos de valor.


• Não pinte as unhas.


• Qualquer intercorrência como doenças (gripe, febre, infecção) ou outros motivos que acarretam a suspensão da cirurgia, avise o profissional com antecedência.


• Pode ser feito uso de Arnica para evitar equimoses (roxos). Este deve ser iniciado de uma semana a dez dias antes da cirurgia. Faça uma avaliação com o clínica para orientação de medicações pré-operatórias importantes na cicatrização e equilíbrio do organismo, visando uma melhor recuperação.

Pos_Bariatrica - Larissa Oliveira 04
Pos_Bariatrica - Larissa Oliveira 05
Pos_Bariatrica - Larissa Oliveira 01
Pos_Bariatrica - Larissa Oliveira 03
Pos_Bariatrica - Larissa Oliveira 02
WhatsApp%20Image%202020-03-20%20at%2012.
O que saber antes da cirurgia de contorno corporal
O sucesso e a segurança do procedimento cirúrgico dependem muito de sua sinceridade durante a consulta.
Você será questionado sobre sua saúde, desejos e estilo de vida
É muito importante você, paciente pós bariátrica, entender quando optou por fazer esta cirurgia, que o seu corpo iria passar por grandes modificações, e quais se fazem necessárias de observações. Logo vocês são especiais e por isso olhamos para vocês com um cuidado maior com relação ao preparo e as precauções para cirurgia.
Mas o que são esses cuidados?
Hábitos alimentares: a cirurgia pós bariátrica promove uma desproteinização e desnutrição no paciente com a síndrome de disabsorção do trato gastrointestinal. Logo, geralmente encontram-se com anemia e deficiências de vários nutrientes como vitamina b, vitamina d, cálcio, ferro, ferritina, sódio, potássio, zinco e outros. A falta destes nutrientes interfere na dificuldade de cicatrização e aumento do risco de infecção. É necessário fazer essa reposição antes, e isso pode levar meses dependendo do paciente.

Atividade Física: 99,9 % dos pacientes que fazem bariátrica não realizam algum tipo de atividade física e isso aumenta muito o risco de trombose e embolia pulmonar. No entanto, precisamos de um preparo prévio muscular e cardiorrespiratório para realizar procedimentos com segurança.

Equilíbrio Mental: Todos sabemos que a obesidade está ligada a transtornos de ansiedade, depressão ou de personalidade e que a maioria dos pacientes não procuram ajuda, e assim não conseguem manter o equilíbrio emocional. Em decorrência disto, não é incomum encontrarmos casos de uso excessivo de bebida alcoólica, que pode promover vômitos pós alimentares para se punirem por estarem comendo e engordando novamente, além de depressão intensa e outros sintomas. Logo é imprescindível que tenha esse entendimento e busque ajuda na abordagem psicoterapêutica para equilibrarmos esse paciente antes de operarmos, pois no pós operatório se não estiverem bem, irão manifestar pânico, depressão intensa, distúrbios de ansiedade, interferindo na recuperação cirúrgica.

Será que isto vai desaparecer?

 

Toda cirurgia envolve um período de recuperação. Dê tempo ao tempo, que seu organismo se encarregará de dissipar pequenas alterações que infalivelmente chamarão a atenção de alguma pessoa que não se furtara a observação: Será que isto vai desaparecer? Não deixe de nos transmitir qualquer tipo de preocupação. Daremos esclarecimentos necessários para sua tranquilidade.

 

Resultado Final

Durante os primeiros seis meses a região irá se apresentar edemaciada (inchada) havendo com decorrer do tempo uma acomodação gradativa dos tecidos. A cicatriz estará inicialmente mais avermelhada e endurecida, para então se tornar clara e delgada, no entanto isso depende de dois fatores importantes: o tempo e a genética. Logo temos um período médio de 6 meses a 2 anos para alcançarmos o possível ideal. 

Horário de Funcionamento

Seg - Sex: 08:00 - 19:00

Contatos:  

Celular:      +55 (62) 9 9922-0175

Whatsapp: +55 (62) 9 8176-0176

E-mail: 

lacpgoias@hotmail.com

Entre em contato para mais informações

Seguir

  • Facebook Dra.Larissa Oliveira
  • Instagram Dra.Larissa Oliveira
  • Twitter Dra. larissa Oliveira
  • LinkedIn Dra.Larissa Oliveira

Membro da Sociedade Brasileira

de Cirurgia Plástica

© 2015 por Dra. Larissa Oliveira criado com Flávia Eleniza / PUBLICK