© 2015 por Dra. Larissa Oliveira criado com Flávia Eleniza

Seguir

Entre em contato para mais informações

  • Dra. Larissa Oliveira
  • Dra. Larissa Oliveira
  • Dra. Larissa Oliveira
  • Dra. Larissa Oliveira
  • Dra. Larissa Oliveira

Horário de Funcionamento

Seg - Sex: 08:00 - 19:00

Telefones:  

Tel: +55(62)3923-5070

Whatsapp: +55(62)9 8176-0176

E-mail: 

lacpgoias@hotmail.com

O que é Cirurgia Pós Bariátrica?

 

Depois da cirurgia Bariatrica e uma perda substancial de peso, a pele e os tecidos, muitas vezes, não têm elasticidade e podem não estar em conformidade com o tamanho reduzido do corpo, pois ela foi severamente estendida, agora não tem sustentação. Daí a  cirurgia plástica para a retirada dessa pele dos braços, pernas, abdômen, costas, nádegas, coxas, virilhas..

Pré-Operatório

 

• Exames complementares a serem especificados.


• Fotografia da região, é importante para avaliação, programação cirúrgica e documentação.


• Providencie modelador para o uso pós-operatório e leve-a à clínica no dia da cirurgia.


• Compareça na clínica no dia e horário combinados, de preferência acompanhado (a).


• Não leve para a clínica jóias e outros objetos de valor.


• Não pinte as unhas.


• Qualquer intercorrência como doenças (gripe, febre, infecção) ou outros motivos que acarretam a suspensão da cirurgia, avise o profissional com antecedência.


• Pode ser feito uso de Arnica para evitar equimoses (roxos). Este deve ser iniciado de uma semana a dez dias antes da cirurgia. Faça uma avaliação com o clínica para orientação de medicações pré-operatórias importantes na cicatrização e equilíbrio do organismo, visando uma melhor recuperação.

O que você precisa saber?

 

1) Anestesia: sedação com peridural e ou geral.

2) Tempo cirúrgico: de 2h, internação de 24h.

3) Cuidados no pós operatório: banho após 48h de cirurgia, retira-se todos os curativos, cinta e meia. Leve o paciente para o banho com cadeira de apoio embaixo do chuveiro, água de morna para fria. Após o banho, enxugar e deixar ventilar o corpo por 30 minutos. Não passe qualquer produto ou faça curativos pois é usado cola cirúrgica. Escolha camiseta regata leve e coloque justa ao corpo, este será seu curativo, e coloque cinta por cima. Após sua alta, o paciente terá que andar encurvado colocando as mãos nos joelhos por um período mínimo de 15 dias, e ao dormir deve estar com apoios no dorso e nas pernas para manter esta curvatura. Isso é necessário devido a pele próxima ao umbigo, após a retirada do excesso de pele, ser costurada suturada na região do púbis.

4) Dor: A dor característica está na coluna, o qual as medicações aliviam parcialmente, mas enquanto não se eleva o corpo para posição ereta total, as dores não são sanadas. Durante a cirurgia e depois por mais 15 dias é necessário o uso de meia compressiva com o uso de anticoagulantes para evitar a trombose ou embolia pulmonar. O paciente deve deambular precoce para evitar os riscos de tromboembolismo. Como pode ser retirado 7% do peso corporal de gordura, na retirada juntamente com a gordura, se perde sangue e nutrientes que em situação de stress o corpo irá necessitar.

 

5) Alimentação: a ingesta de líquido de 1 em 1 hora principalmente água de coco, gatorage, sucos naturais e água , devem se fazer no mínimo de 4 a 6 litros por dia. Quanto a alimentação está proibido o uso de chocolate e derivados, bebidas alcoólicas e refrigerantes durante um período de 30 dias no pós operatório. E a ingesta de alimentos deve ser de 3 em 3 horas com alimentação rica em folhas verde escuras (agrião, rúcula, espinafre, brócolis) fígado, beterraba, rapadura , feijão pois são ricos em ferro para repor a perca de sangue. Os três primeiros dias de pós operatório são sentidos com mais afinco devido a fraqueza, sendo necessário assistência de acompanhantes 24 horas continuo devido ao risco de fraquezas momentâneas.


6) Massagem: A drenagem linfática se inicia 48h após a cirurgia, onde se fará 10 sessões seguidas, sendo 1 por dia e após mais 10 sessões em dias intercalados. 

7) Modelador: Uso do modelador será por 3 meses .

8) Atividades: Dirigir é permitido após 30 dias. Atividade física apos 30 dias é permitido apenas caminhada, e após 3 meses esta liberado para pilates, academia, natação e demais. 

9) Cicatriz: A cicatriz esta posicionada no contorno da calcinha, onde seu clareamento dependerá do repouso e da genética do paciente, porém demora de 6 meses a 2 anos para ter o efeito ideal.

10) Sol: a exposição solar dependerá de cada pele mas no mínimo 3 meses sem exposição.

11) Atividade Sexual: com 30 dias está liberada. O edema do corpo demora de 6 a 9 meses para regressão em média.

Será que isto vai desaparecer?

 

Toda cirurgia envolve um período de recuperação. Dê tempo ao tempo, que seu organismo se encarregará de dissipar pequenas alterações que infalivelmente chamarão a atenção de alguma pessoa que não se furtara a observação: Será que isto vai desaparecer? Não deixe de nos transmitir qualquer tipo de preocupação. Daremos esclarecimentos necessários para sua tranquilidade.

 

Resultado Final

 

Durante os primeiros seis meses a região irá se apresentar edemaciada (inchada) havendo com decorrer do tempo uma acomodação gradativa dos tecidos. A cicatriz estará inicialmente mais avermelhada e endurecida, para então se tornar clara e delgada, no entanto isso depende de dois fatores importantes: o tempo e a genética. Logo temos um período médio de 6 meses a 2 anos para alcançarmos o possível ideal.